Notícias



26/08/21 - Concurso Polícia Penal MG 2021

A partir de outubro, estarão abertas as inscrições do novo concurso com 2.420 vagas para policiais penais de Minas Gerais. A carreira tem como requisito apenas o ensino médio completo e oferece salários iniciais de R$4.631,25.

Do total de vagas do concurso Polícia Penal MG, 1.944 chances para o sexo masculino e 476 para o sexo feminino

Uma novidade do concurso é a reserva de vagas para pessoas com deficiência (PcDs). A superintendente explicou que essa cota está prevista na legislação estadual e que os deficientes poderão atuar como policiais penais, com as devidas adaptações.

Curso de formação está previsto para outubro de 2022

O concurso Polícia Penal MG é composto por seis fases: provas objetivas e de redação; avaliações de aptidão psicológica e psicotécnica; exames médicos; prova de condicionamento físico; comprovação de idoneidade e conduta ilibada (investigação social); curso de formação técnico-profissional.

O curso de formação é uma etapa do concurso, de caráter eliminatório e classificatório. Os aprovados só serão chamados para posse após o término do curso.

O  governo espera chamar todos os 2.420 candidatos ao mesmo tempo ou em duas turmas.

O curso será inovador com quatro meses de formação e novas disciplinas. Os alunos terão aulas, por exemplo, de defesa pessoal e tiro. Uma vez que, como policiais, terão direito ao porte de armas, realizado de forma semipresencial, com aulas presenciais e à distância, de segunda-feira a sábado. Durante o período de formação, o candidato receberá uma bolsa de 50% do vencimento inicial da carreira. A tendência é que o curso de formação ocorra em Belo Horizonte. Mas, caso exista uma necessidade logística, é possível que as aulas ocorram também na região metropolitana. 

Posse dos aprovados deve ocorrer no começo de 2023

Segundo a superintendente, a posse dos aprovados está prevista para o ano de 2023. “A expectativa é que a posse desses servidores ocorra no começo de 2023”, disse.

A escolha da lotação só ocorrerá após o curso de formação, de acordo com a classificação dos candidatos. Ou seja, quem tiver as melhores notas terá o direito de escolher primeiro os locais e unidades penitenciárias.

Questionada sobre os locais com maior demanda de policiais penais, Roberta disse que só tem condições de saber o número exato de vagas nas unidades próximo da homologação do concurso. “É feito um estudo da secretaria de necessidade em cada unidade além de um edital de remoção interna”.

O plano de carreira de policial penal ainda está em análise pela Assembleia Legislativa. Dessa forma, maiores detalhes como benefícios e adicionais estão em discussão e precisam ser regulamentados.

Concurso Polícia Penal MG terá primeiras provas em janeiro

As inscrições do concurso serão abertas no dia 22 de outubro, pelo  site do Instituto Selecon , organizador da seleção. Os interessados poderão concluir o processo até o dia 21 de novembro.  A taxa é de R$49,16. 

As provas objetivas e de redação estão marcadas para o dia 16 de janeiro de 2022. A aplicação ocorrerá nos municípios de Barbacena, Belo Horizonte, Curvelo, Divinópolis, Ipatinga, Governador Valadares, Juiz de Fora.

Além de Lavras, Montes Claros, Patos de Minas, Poços de Caldas, Pouso Alegre, Teófilo Otoni, Uberaba, Uberlândia e Unaí. Durante cinco horas, os concorrentes deverão responder a 60 questões, distribuídas da seguinte forma:

  • Língua Portuguesa – 10 questões;
  • Informática Base – 5 questões;
  • Noções de Direito – 10 questões;
  • Direitos Humanos – 10 questões;
  • Legislação Especial – 20 questões;
  • Raciocínio Lógico – 5 questões.

Ainda será necessário elaborar uma redação de 20 a 30 linhas. Os classificados serão convocados para as próximas etapas. Por sua vez, a prova de condicionamento físico será de 22 de junho a 8 de julho de 2022 e exigirá os exercícios a seguir:

  • Teste de flexão em barra fixa (para o sexo masculino) e teste estático de barra fixa (para o sexo feminino);
  • Teste de flexão abdominal;
  • Teste de impulsão horizontal;
  • Teste de flexão de braços no solo;
  • Teste de corrida de 12 minutos.